Como Organizar um Workshop

Um workshop ou oficina é bastante importante para pessoas que querem desenvolver algumas habilidades ou competências em um pequeno período de tempo e gostariam de agregar um pouco mais de experiência a sua carreira. No entanto, caso você tem uma habilidade específica e quer ensinar a um certo público, você mesmo organizar uma oficina pode não ser uma má ideia. Neste artigo explicaremos o que é um workshop e como organizar um workshop, seguindo instruções conforme falaremos neste artigo.

Como Organizar um Workshop

O que é um workshop?

Um workshop é uma aula ou mini curso que uma pessoa de uma área específica ensina alguma habilidade. Por exemplo: existem oficinas de Arduino, relacionadas à eletrônica e de cálculo, relacionadas à Física. Todas essas aulas são dadas por um professor que deseja ensinar um determinado assunto em que ele tenha vasta experiência.

A diferença entre uma oficina e uma aula é que na oficina os assuntos são abordados de maneira prática e menos teórica. Ou seja, em uma oficina de eletrônica você aprende a programar diretamente no computador ao invés de estudar a teoria e depois programar de fato. Por isso a oficina é mais efetiva em desenvolver competências: ela envolve os participantes de forma que todos façam aquilo na prática. Em suma, a oficina abrange a teoria e a prática, sendo a primeira, rapidamente explicada; e a segunda, profundamente explorada.

Como o workshop funciona?

As oficinas podem durar cerca de 4 até 8 horas e não se estendem por mais de um dia. Além disso, existem vários intervalos dentro desse período de uma oficina visando amenizar o cansaço causado por ela, já que ela pode ser bastante maçante. E, justamente por causa disso, é necessário saber organizar um workshop e ensinaremos você a fazer isso neste artigo.

Como organizar meu workshop?

Defina o seu tema

Primeiramente você deve escolher o tema que será abordado na sua oficina. Eletrônica, negócios, Física, Matemática: fica a seu critério. É necessário ser exato e entender profundamente sobre o tema que você irá propor na sua oficina já que ele é o ponto central de tudo.

Conheça seu público

Se você escolheu fazer uma oficina de Eletrônica, por exemplo, procure saber quais são os interesses majoritários das pessoas que também gostam de eletrônica. Elas gostariam de aprender mais sobre programação de alto nível ou sobre componentes eletrônicos? É bastante importante traçar um perfil do seu público para então abordar assuntos interessantes a este na sua oficina.

Workshop

Sua oficina será paga ou gratuita?

Essa pergunta deve ser respondida logo após a escolha do seu tema. Você deve pensar no que você gastará de recursos para realizar sua oficina. Ela terá um público muito grande que pode saturá-la? Ou então, terá almoço ou buffet nos intervalos? Tudo isso deve ser contado e colocado na balança para que você não saia no prejuízo depois de sua oficina.

Escolha a data, hora e o local

Uma oficina deve acontecer em algum lugar, certo? No entanto, escolher esse local pode não ser muito fácil. Tudo deve ser levado em conta: sobre o que a oficina será, quantos participantes terão e o quanto de verba estará disponível para realizar. Procure escolher um local que esteja relacionado ao interesse do seu público, por exemplo: se você dar uma oficina de Matemática, procure oferecê-la em uma sala de aula. Além disso, certifique-se de facilitar o endereço e fazer com que o seu público o ache de maneira fácil. Em relação à data e hora, é interessante realizar oficinas no sábado com início na manhã. Entretanto, fica a critério do calendário do seu público.

Separe seus equipamentos e materiais que serão utilizados e compre os que estão faltando

Esse ponto é extremamente importante. Você precisa entender que uma oficina deve ser bastante próxima do perfeito. Ou seja: nada pode faltar, nem mesmo um clipe ou uma caneta. Certifique-se, antes de realizar sua oficina, se todos os materiais que você utilizará estão no local do workshop e prontos para serem usados. Caso falte alguma coisa, alguém terá problemas que podem atrapalhar o andamento de todo o processo.

Divulgue seu workshop

Depois de tudo planejado, a divulgação é a único passo que falta. A divulgação pode ser feita por meios de comunicação gratuitos como o Facebook através de eventos criados nele ou até mesmo com panfletos e cartazes colados em colégios ou empresas, dependendo do seu público. Esse passo requer muito mais criatividade de quem está criando o workshop do que meras instruções.

Todos os passos necessários para criar um workshop estão aqui: definir um tema, conhecer o público, decidir se o evento será gratuito ou não, escolher a data, separar os materiais a serem utilizados e divulgar o workshop. Se você seguir todos esses passos, seu workshop estará pronto para ser planejado e concluído de forma excelente. Então, anote todos eles e mãos à obra!

Leave a Reply